Login  Recuperar
Password
  7 de Agosto de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Regional
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Remoção de chuveiros e lava-pés para impedir zonas de contacto

Sistema sonoro vai difundir alertas aos banhistas na Nazaré

A época balnear na Nazaré vai incluir medidas complementares às divulgadas pela Direção-Geral da Saúde, como a instalação de um sistema sonoro para difundir alertas aos banhistas, caso seja necessário, e a criação de equipas de monitorização que irão fazer ações de sensibilização logo na avenida marginal antes da entrada no areal da praia.

28-05-2020 | Francisco Gomes

Haverá utilização de megafones por agentes da Polícia Marítima
[+] Fotos
Haverá utilização de megafones por agentes da Polícia Marítima
No pico do verão habitualmente estão várias dezenas de milhares de banhistas na praia e os seus 1600 metros de extensão por 150 metros de largura tanto podem dificultar a verificação do cumprimento das normas de segurança como podem facilitar o distanciamento exigido para evitar ajuntamentos.
Para o comandante da capitania na Nazaré, Gomes Agostinho, os veraneantes “são a parte fundamental neste processo e contamos com a sua colaboração para que cumpram as regras”.
Em complemento, segundo revelou, está em perspetiva a retirada de chuveiros e lava-pés, para impedir zonas de contacto, assim como todas as infraestruturas de apoio de praia que gerem ajuntamentos não serão instaladas. Haverá utilização de megafones por agentes da Polícia Marítima, a arrumação da praia, com o espaçamento das barracas, e o aumento da capacidade de patrulhamento com reforço de meios.
Devido a um protocolo com a Câmara, a praia da Nazaré conta ao longo de todo o ano com vigilância de nadadores-salvadores, pelo que mesmo antes do início da época balnear, a 6 de junho, já está a ser vigiada, só não estando a ser hasteadas as bandeiras que indicam a possibilidade ou não de ir a banhos.
Walter Chicharro, presidente da Câmara Municipal da Nazaré, sobre as regras para a época balnear, relatou que o Serviço Municipal de Proteção Civil da Nazaré e as entidades ligadas às atividades de praia “iniciaram a 2 de maio um debate profundo das propostas do governo e a sua aplicação localmente. Quanto à arrumação da praia, iremos espaçar as barracas, com o distanciamento de cerca de dois metros entre si. Iremos aumentar a capacidade de patrulhamento com recurso aos meios que usamos durante a época das ondas grandes, com vista, também, à sensibilização das pessoas”, indicou.
Para o autarca, a garantia do distanciamento dos equipamentos de praia – barracas e sombras individuais - e o impedimento dos ajuntamentos, para minimizar riscos de contágio, “será um enorme desafio, pela sua complexidade”. “Sem a colaboração de todos os que virão em busca de sol e praia, descanso e férias, o sucesso das ações das entidades estará reduzido. O distanciamento social só será exequível com a ajuda dos veraneantes”, sublinhou.
A época balnear terá início a 27 de junho na Praia do Salgado. A Praia do Norte, apesar de não ser uma zona balnear, contará, de novo, com a vigilância dos nadadores-salvadores, contratados pelo Município, apoiados pelos habituais equipamentos e veículos de patrulhamento da costa, também a partir daquela data.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar