Login  Recuperar
Password
  17 de Agosto de 2018
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Bombarral
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Quinta pedagógica “Bambilocas” já abriu portas no Bombarral

Abriu portas no passado dia 24 a quinta Pedagógica Bambilocas, um “local onde a biodiversidade e os sentidos se tocam”. Situada em Vale Covo, a dois quilómetros do Bombarral, a quinta pedagógica permite observar e conhecer os hábitos e as caraterísticas dos diferentes animais, desde os bovinos aos equídeos, passando ainda pelos ovinos, caprianos, suínos, aves, coelhos e outros animais. Permite ainda confecionar queijo fresco, pizzas e pão de trigo.

04-04-2018 | Mariana Martinho

Diversos animais podem ser visitados na quinta pedagógica Bambilocas
[+] Fotos
Diversos animais podem ser visitados na quinta pedagógica Bambilocas
Com 5000 m2 de área, a Bambilocas procura promover o “gosto pelo meio natural do campo, através do contacto com as diferentes espécies de animais”, privilegiando o contacto com os usos, os sons, os cheiros, costumes, tradições rurais, e ainda incentiva a partilha de experiências e saberes entre gerações.
Além da parte dedicada à observação e hábitos dos diferentes animais, a quinta também permite aos mais pequenos e não só, conhecer os estábulos, a horta (percebem como os fatores ambientais condicionam o desenvolvimento dos legumes e também como a prática da agricultura biológica permite obter alimentos mais saudáveis), e um jardim de plantas aromáticas (salsa, coentros, orégãos, tomilho, erva príncipe, erva-cidreira) e suculentas (Aloe Vera, Crassula Ovata Gollum, Sedum Burrito e Sedum pachyphyllum).
Na visita à quinta também podem ser visitados outros espaços tais como o pomar, que inclui árvores diversas, o espaço verde e ainda a cozinha, onde as crianças são “convidadas a pôr a mão na massa”, e conhecem o ciclo do pão de trigo e de milho, desde a sementeira dos cereais até à confeção do pão.
Ligado à área animal alguns anos, o proprietário da Bambilocas, Hélder Ventura, decidiu avançar com o projeto por sugestão de amigos, que “sempre incentivaram a criar uma quinta pedagógica” e assim “recriar um ambiente de ruralidade simultaneamente lúdico e pedagógico, no qual proporcionamos atividades pedagógicas, relacionadas com a vida numa quinta”, incluindo os afazeres da lavoura da pecuária e da cozinha tradicional.
Ou seja, na Bambilocas pode-se “escolher diversas atividades para realizar, desde confecionar o queijo fresco, pão de trigo, pizzas, compotas, até passear de pónei”.
No fundo, “a ideia é criar um espaço para todas as faixas etárias onde se possa trabalhar na horta como também conhecer as próprias ervas aromáticas e os hábitos dos animais”, explicou o proprietário.
Relativamente ao nome “Bambilocas”, Hélder Ventura esclareceu que surgiu devido ao bambi que existia na quinta, que acabou por vir a falecer, mas a ideia é “adquirir novamente um a partir de junho”.
A “Bambilocas” também disponibiliza uma sala ampla e acolhedora destinada às festas de aniversário e permite aos mais pequenos passarem as férias escolares na quinta.
Está aberta ao público geral aos fins-de-semana e feriados, entre as 14h30 e as 19h00, e durante a semana apenas para marcações de escolas e de grupos.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar