Login  Recuperar
Password
  20 de Junho de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Peniche
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

PSD de Peniche exige reforço de meios policiais devido a assaltos violentos

“O Estado não pode continuar a falhar em Peniche!" Esta foi a mensagem central da carta que os vereadores do PSD na Câmara Municipal de Peniche, Filipe Sales e Cristina Leitão, enviaram ao Ministro da Administração Interna a propósito da recente e crescente onda de assaltos violentos no concelho, que tem gerado grande preocupação entre as pessoas.

16-01-2019 |

“O Estado não pode continuar a falhar em Peniche!”, foi a mensagem central da carta
“O Estado não pode continuar a falhar em Peniche!”, foi a mensagem central da carta
“Ao Estado compete, nas suas mais básicas funções, garantir a segurança da população e sentimos que isso não está a acontecer. É preciso um reforço de meios em Peniche, tanto para a PSP como para a GNR”, reitera Filipe Sales.
Após terem colocado questões sobre segurança ao longo dos últimos meses nas reuniões da Câmara Municipal e sem terem obtido resposta por parte do executivo camarário, os vereadores decidiram levar ao ministro da Administração Interna o sentimento da revolta da população, que diariamente conhece situações assaltos à mão armada, espancamentos de pessoas indefesas e queixas de ausência da polícia.
“Nós estamos no Oeste mas não queremos ser um novo "faroeste" onde há notícia de tiros e de assaltos violentos todos os dias, não pode ser!", afirma o vereador do PSD, sublinhando a insuficiência do efetivo policial: “Na PSP o efetivo chegou a ser de 70 elementos e hoje é inferior a 40 elementos. Isso não é aceitável”, salientou.
A missiva dos vereadores sublinhou igualmente a importância da segurança para o turismo, setor do qual depende grande parte da economia local. “É evidente que se o sentimento de insegurança crescer, a economia local vai começar a sentir isso, porque a palavra vai-se espalhando. Não podemos permitir que isso aconteça”, referiu a vereadora Cristina Leitão.
Os autarcas do PSD apelaram ao reforço do efetivo para que possa haver mais patrulhas, mas também uma presença mais assídua das equipas de intervenção rápida.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar