Login  Recuperar
Password
  18 de Maio de 2021
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Caldas da Rainha, Ocorrências
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Morre em incêndio em aviário de A-dos-Francos

Um homem de 54 anos morreu na sequência de um incêndio que na passada segunda-feira destruiu um aviário nos Casais da Aramenha, na freguesia de A-dos-Francos, nas Caldas da Rainha. A vítima sofreu queimaduras em quase todo o corpo e não resistiu aos ferimentos.

02-02-2021 | Francisco Gomes

Pavilhão de aviário ficou destruído
[+] Fotos
Pavilhão de aviário ficou destruído

O aviário estava vazio e a ser preparado para receber codornizes. “Embora a investigação seja da responsabilidade das entidades competentes, terá sido o processo de aquecimento que originou o incêndio e tudo indica que possa ter havido uma explosão”, relatou o comandante da corporação dos bombeiros das Caldas da Rainha, Nelson Cruz.
O alerta foi dado pelas 08h13, tendo mobilizado para o local doze operacionais e quatro viaturas dos bombeiros.
A vítima, familiar dos proprietários, foi encontrada no exterior. Depois de lhe terem sido prestados os primeiros socorros, complementados com a intervenção da equipa da Viatura Médica e Reanimação das Caldas da Rainha, o homem foi levado para o campo de futebol de A-dos-Francos, onde pousou um helicóptero do INEM, vindo de Santa Comba Dão, que o transportou para o Hospital de São José, em Lisboa, onde óbito seria declarado à noite.
Acompanharam as operações a GNR e a junta de freguesia de A-dos-Francos. Inspetoras da Autoridade para as Condições do Trabalho recolheram informações sobre o aviário, cujo pavilhão ficou destruído.

Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar