Login  Recuperar
Password
  7 de Abril de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Caldas / Economia, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Mercado da Praça da Fruta promovido com marca lançada nas Caldas

Um site para publicitar e promover o Mercado da Praça da Fruta a nível nacional procurando aumentar o fluxo de visitantes e vendas, um logotipo que identifique os produtos da praça da fruta, sacos promocionais, aventais e outros brindes, são alguns dos projetos da Marca Praça da Fruta que foi lançada no passado sábado. Trata-se de um projeto do Orçamento Participativo 2013 da Câmara Municipal de Caldas da Rainha, executado pela CoopCASA - Cooperativa para a Ação Social e Artística, fundada a 20 de janeiro de 2014. Alexandre Cunha, responsável pela criação da Marca “Praça da Fruta”, disse que o peso simbólico do mercado reúne todas as características para se tornar uma “marca identitária e comercial que valorize e potencie o mercado diário e a produção agrícola local e regional”. “Com a renovação da imagem de um dos ícones do centro histórico da cidade procurámos reafirmar e diferenciar a identidade coletiva do mercado contribuindo para o desenvolvimento socio económico da região”, adiantou.

27-10-2015 | Marlene Sousa

Lançamento dos projetos Marca Praça da Fruta e Praça vai à Casa
[+] Fotos
Lançamento dos projetos Marca Praça da Fruta e Praça vai à Casa
A criação do site pretende não só divulgar a variedade de produtos disponíveis na Praça como a história dos seus vendedores e os produtos da época.
O site, que já está online (www.pracadafruta.pt), continua em construção e disponibiliza toda a informação relativa à história do mercado, mapa interativo, e horários de funcionamento da Praça da Fruta e ainda os eventos culturais que vão decorrer na praça.
Vão ser criados vários objetos com o logotipo da marca Praça da Fruta, como sacos promocionais, autocolantes, imanes, aventais e outros brindes para ajudar a divulgar os produtos da praça. “Nós temos feito vários contatos com os vendedores para saber a opinião deles, e temos tido uma adesão muito positiva. Quase todos eles querem participar e dar informações para o site”, explicou o responsável.
Para a criação do logotipo foi criado o concurso de identidade gráfica Marca Praça da Fruta, que foi o ponto de partida do projeto. Houve a participação de noventa e duas propostas nacionais e internacionais, e três foram selecionadas por um júri que depois escolheu o design vencedor.
Este projeto foi aprovado no orçamento participativo de 2013 e ganhou uma verba de 29 mil euros.

“Praça à Casa”

Ao projeto Marca Praça da Fruta juntou-se a iniciativa “Praça à Casa”, que é um serviço de distribuição dos produtos da Praça da Fruta a casa dos residentes na cidade das Caldas, de bicicleta. “A entrega será uma vez por semana para que as pessoas ao meio da semana recebam os produtos e não se deslocarem à grande superfície, e ao sábado continuem a ir ao mercado”, explicou Palmela Pedroso, uma das responsáveis por este projeto que faz parte da CoopCASA.
Este projeto ganhou uma bolsa de cinco mil euros no âmbito das Bolsas Es Jovem/Nos Alive, iniciativa conjunta da Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (CASES) e da Everything Is New, com o intuito de premiar e valorizar jovens em fase de criação de projetos na área da Economia Social. Como este projeto tem características comuns ao da Marca da Praça da Fruta, a Câmara das Caldas sugeriu que unissem os dois projetos. As pessoas poderão fazer a encomenda através do site ou por telefone.
Estes projetos foram apresentados no sábado no Centro de Promoção e Divulgação de Produtos Regionais.
O vice-presidente da Câmara das Caldas, Hugo Oliveira, destacou que no orçamento participativo “por vezes os projetos demoram mais do que nós queríamos, mas mais vale fazer com calma e fazer como deve ser do que as coisas não correrem bem”.
“Isto é a vitória do orçamento participativo e também da Praça da Fruta”, sublinhou o presidente da Câmara das Caldas, Tinta Ferreira. Para o autarca a requalificação do mercado permite que agora se façam projetos novos para a promoção do mesmo e que vai dignificar todo o comércio tradicional das Caldas.
Estas iniciativas foram lançadas com um peddy paper, que decorreu no sábado, na Praça da Fruta, com o tema dos produtos do mercado. Foi também neste dia inaugurada a exposição do concurso Identidade Gráfica Marca Praça da Fruta e decorreu a atribuição simbólica do 1º prémio e menções honrosas.
O programa terminou com a degustação de produtos da Praça da Fruta.

Marlene Sousa
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar