Login  Recuperar
Password
  25 de Outubro de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Caldas / Sociedade
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Mais funcionários e equipamentos para os Serviços Municipalizados

O Município das Caldas da Rainha reforçou o quadro de pessoal dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) com 18 novos funcionários e estão em processo de aquisição mais viaturas.

19-09-2020 |

O reforço de recursos humanos procura melhorar significativamente o serviço prestado
O reforço de recursos humanos procura melhorar significativamente o serviço prestado
Segundo a autarquia, “este reforço de recursos humanos e de equipamentos permitirá melhorar significativamente o serviço em diversos aspetos, nomeadamente a varredoura passará a funcionar diariamente, bem como a lavagem de contentores”.
Os circuitos de recolha serão alterados em todo o concelho, criando novos ou havendo mais passagens, assegura a Câmara.
A recolha de monos domésticos (tais como sofás, mobílias, colchões e outros objetos de grandes dimensões que os cidadãos já não usam) também passará a ser feita todos os dias úteis entre as 6h30 e as 20h00. Neste caso, não há circuito pré-definido, dependendo sempre de informação prévia dos munícipes para o número 262 240 002 ou pelo mail: piquete.contentor@smas-caldas-rainha.pt.
O aumento da eficiência na gestão do sistema municipal de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) e higiene urbana são objetivos da autarquia.
Além destes investimentos e medidas em curso, está a ser preparado o projeto de ampliação da Estação de Tratamento de Águas Residuais das Caldas da Rainha.
Esta obra vai custar cerca de três milhões de euros e permitirá ter capacidade para, nos próximos 20 anos, tratar os esgotos que possam resultar da população e da indústria. Estima-se que esteja concluída em 2022.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar