Login  Recuperar
Password
  20 de Setembro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Óbidos
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Humberto Marques demitiu-se da comissão distrital do PSD

A formação da lista do PSD candidata pelo círculo de Leiria às próximas eleições legislativas fez já três baixas nos órgãos distritais, a uma das quais Humberto Marques, presidente da concelhia do PSD de Óbidos.

07-08-2019 |

Humberto Marques insurgiu-se contra a forma como o líder nacional do PSD conduziu a escolha dos candidatos às legislativas por Leiria
Humberto Marques insurgiu-se contra a forma como o líder nacional do PSD conduziu a escolha dos candidatos às legislativas por Leiria
O também presidente da Câmara de Óbidos demarca-se da estratégia do líder nacional do partido, Rui Rio, a quem acusou de "desconsideração e arrogância” perante “um distrito que em muito tem contribuído nas últimas décadas para a alegria de militantes e simpatizantes do PSD".
Assegurando não estar contra quem integra a lista por Leiria, nem tencionar ser candidato a deputado, Humberto Marques apresentou a sua demissão de vogal da direção distrital, insurgindo-se contra "a forma como o líder nacional do PSD conduziu o processo", nomeadamente "a imposição de cerca de 50% dos candidatos em lugares elegíveis".
Pretendeu assim “dar um sinal político ao atual e futuros líderes do PSD nacional que a construção e crescimento de um partido se faz com inclusão e, sobretudo, sabendo respeitar as bases do partido".
Já anteriormente se haviam demitido o presidente da distrital, Rui Rocha, e outro vogal da distrital, Paulo Batista Santos.
A comissão política distrital do PSD de Leiria, reunida a 31 de julho, tornou pública a sua posição sobre as listas do PSD às legislativas de 2019.
“Tendo em conta diversos factores como a competência, equidade territorial com representação geográfica e os equilíbrios necessários à composição de uma lista para as próximas eleições esta estrutura distrital elaborou uma lista que entendeu como a adequada para atingir os seus propósitos. Não entendeu a Comissão Política Nacional do PSD que esta fosse a melhor opção, tendo condicionado a mesma com duas indicações: a cabeça de lista Margarida Balseiro Lopes, com a qual já mostrámos a nossa total satisfação, e a do secretário-geral dos TSD´s (Trabalhadores Sociais-Democratas), classificado pelo secretário geral do partido como o “único pára-quedista do país” a integrar as listas”, declarou a comissão política distrital, que está solidária com o seu presidente e com a sua tomada de posição de se demitir deste órgão e de vogal da comissão política nacional.
“As alterações impostas pela nacional do PSD na lista candidata ao círculo de Leiria, leva a que esta deva assumir as suas responsabilidades, concluiu.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar