Login  Recuperar
Password
  31 de Maio de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Opinião
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

À Valentina

20-05-2020 | Bé Timóteo



Tinhas tanto pra viver
Nossa pequena Valentina
Alguém te fez morrer
Eras só uma menina

Só com 9 aninhos
Acabaram os teus sonhos
Tiveste com toda a certeza
Os últimos dias medonhos

Fizeram um apelo
A toda a população
Para te procurar
Fui de todo o coração

Entre montes e silvas
Até casas abandonadas
Em contentores entrei
Braços e pernas, arranhadas

Andei pelos montes acima
Até um escaldão apanhei
Pedi tanto a Deus
Pelo teu nome chamei

De repente um telefonema
Íamos nós numa descida
Tinham-te encontrado
Infelizmente, sem vida

Comprámos umas flores
Que custou tuta e meia
Fomos pô-las na placa
Da Atouguia da Baleia

Ninguém merece a morte
Nesta circunstância
Nem sequer um adulto
Quanto mais uma criança

Pensavas na boa fé
Que o pai te amava sem fim
Afinal não amava
Fez-te morrer assim

Cada uma de nós
Ao ver uma morte assim
Pensa com muita tristeza
E se acontecesse a mim

Todas as mães do mundo
E todos os pais de bem
Sabendo da tua morte
Morrem um pouco também

Quero que estejas em paz
Aí, bem pertinho de Deus
Eras um anjo na terra
E assim dizemos-te adeus

Descansa em paz


Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar