Login  Recuperar
Password
  20 de Outubro de 2018
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Caldas / Economia
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Novas instalações da Fábrica das Cavacas das Caldas arrancam no próximo mês

Inserida no programa das Festas da Cidade, decorreu na passada terça-feira uma visita à nova unidade da Fábrica das Cavacas das Caldas, que une as fábricas de wafers e de cavacas na zona industrial do Casal de Santa Cecília, perto da Matoeira (Salir de Matos). O investimento de cerca de um milhão de euros nesta nova unidade produtiva, que se prevê entre em funcionamento “dentro de um mês” vai permitir que a empresa aumente a capacidade de produção para apostar na exportação.

17-05-2018 | Mariana Martinho

Comitiva e responsável pelas empresas na nova unidade fabril
[+] Fotos
Comitiva e responsável pelas empresas na nova unidade fabril
A nova unidade fabril da Eduardo Loureiro Unipessoal, Lda, vai permitir juntar as duas empresas do grupo, a Fábrica das Cavacas das Caldas, situada perto do Imaginário, e a Confeitaria Monteverde, em Turquel. Ou seja, “a ideia é juntar tudo aqui neste espaço”, disse Eduardo Loureiro, responsável pelas empresas.
Trata-se de um pavilhão com dois mil metros quadrados de área coberta, onde serão feitos todos os produtos que atualmente são confecionados nas outras duas instalações, e ainda incluirá uma loja para venda direta ao público.
Dedicadas à produção das cavacas e beijinhos desde 1982, as empresas encontram-se presentes em várias cadeias de supermercados com os seus produtos na área da doçaria, especialmente com as famosas cavacas e os beijinhos das Caldas, e ainda as tradicionais bolachas de baunilha, sendo ambos os produtos mais icónicos destas empresas.
As empresas têm ainda uma vasta gama de produtos de bolos secos tradicionais e juntas fazem com que a faturação conjunta cresça na ordem dos 20%. Só em 2016, “o volume de negócios atingiu os 1,25 milhões de euros”, sublinhou o responsável.
Alguns desses produtos foram dados a provar aos autarcas e ao secretário de Estado das Autarquias Locais, Carlos Miguel, que conheceram a nova unidade da empresa, que vai começar a funcionar no próximo mês.
De acordo com Eduardo Loureiro, “este novo espaço permitiu criar novos postos de trabalho, ou seja, mais cinco dos cerca de 35 trabalhadores, e ainda aumentar o número de encomendas”. Além disso, “permite unir esforços, rentabilizar processos, modernizar e melhorar, aumentando a nossa produção para melhor servir os nossos clientes”. Igualmente esclareceu que além do crescimento no mercado interno, a empresa aposta na exportação para o Canadá, Estados Unidos da América, França, Suíça, Inglaterra e Angola.
Para o presidente da Câmara Municipal de Caldas da Rainha, Tinta Ferreira, “cavacas e beijinhos são marcas que identificam as Caldas da Rainha, estando em “processo crescente”.
Nesse sentido, congratulou o empresário pelo investimento feito na nova unidade, desejando que “continue a crescer, pois significa riqueza e postos de trabalho para o concelho”.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar