Login  Recuperar
Password
  26 de Novembro de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Jardim infantil de Ferrel encerrado até ao final do mês

No Jardim Infantil de Ferrel, no concelho de Peniche, foram detetadas seis funcionárias e treze crianças com Covid-19. A instituição está fechada desde 13 de novembro até ao final do mês.

19-11-2020 | Francisco Gomes

As instalações só devem reabrir no dia 30 de novembro
As instalações só devem reabrir no dia 30 de novembro
Uma funcionária acusou Covid-19 e a partir daí a autoridade de saúde determinou a realização de testes às restantes 24 colaboradoras do Jardim Infantil de Ferrel e às 126 crianças que o frequentam – 56 na creche e 70 no pré-escolar.
Apesar do plano de contingência rígido, o vírus entrou na instituição. “É isso que nos admira. Tentámos cumprir à risca e surge-nos esta situação. Não podemos acusar ninguém porque qualquer pessoa está sujeita a ficar infetada. A primeira podia não ser a funcionária mas uma criança”, manifestou Joaquim Jorge, presidente da Associação Jardim Infantil de Ferrel.
Foi na sala dos cinco anos que o vírus contagiou as treze crianças infetadas, que estão assintomáticas. Há seis funcionárias desta instituição particular de solidariedade social naquela vila do concelho de Peniche com Covid-19, uma delas inspirando maiores cuidados.
Foi feita a desinfeção do estabelecimento pelos bombeiros e por indicação da autoridade de saúde foi encerrada esta instituição particular de solidariedade social. A parte da creche podia continuar a funcionar, mas a direção achou também dever parar.
A situação causa transtorno, admitiu Joaquim Jorge. “Para nós e para os pais. Como é que vão trabalhar, não podem. Depois também têm de estar confinados, a partir do momento em que as crianças estão infetadas”, referiu.
As crianças da creche, desde os quatro meses, e do pré-escolar dos três aos seis anos, só deverão voltar ao jardim infantil de Ferrel no dia 30 de novembro, altura em que está prevista a reabertura das instalações, se não houver ordem em contrário.
Entre 16 de março e 18 de maio deste ano o jardim infantil esteve encerrado na sequência da decisão tomada pelo Governo de encerramento das escolas, tendo a creche reaberto no dia 18 de maio, com regras mais restritas. Antes, todos os colaboradores fizeram teste e obtiveram resultado negativo. O pré-escolar foi reaberto no dia 1 de junho, também seguindo normas mais rígidas do plano de contingência.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar