Login  Recuperar
Password
  17 de Outubro de 2017
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Cadaval
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Festa das Adiafas regressa ao Cadaval

De 13 a 22 de outubro, o Pavilhão Multiusos do Cadaval recebe a 16ª edição das Adiafas e Feira Nacional do Vinho Leve, certame que ano após ano cria raízes neste concelho e atrai mais visitantes e expositores. Para Fátima Paz, vice-presidente do Município do Cadaval, as expectativas para a edição deste ano “são elevadas seja da parte da organização seja da parte dos visitantes, pois é de conhecimento público de que se trata do principal evento promovido pelo Município, sendo muito apreciado por quem o visita”.

11-10-2017 |

Fátima Paz, vice-presidente do Município do Cadaval
Fátima Paz, vice-presidente do Município do Cadaval
Segundo a edil estará ao dispor do visitante “um programa variado, onde contamos com a presença de grupos culturais do concelho, pois desta forma promovemos o que é nosso e, simultaneamente, valorizamos o trabalho dos muitos homens e mulheres que por todo o concelho trabalham em prol da cultura local com muito esforço e dedicação. Esta é também uma forma de lhes agradecer e dar visibilidade ao seu trabalho. Com a colaboração e empenho de todos os envolvidos, será com certeza mais um ano de sucesso”, disse Fátima Paz.
Em relação aos expositores, esta edição contará com “33 no espaço de artesanato e atividades económicas e cinco na área exterior do certame”. De referir a presença de “Cinco adegas cooperativas, três produtores particulares e a Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa”. Na vertente gastronómica estarão representadas “treze associações locais, seis das quais a dinamizarem seis restaurantes e sete com as tasquinhas típicas, que divulgarão o que de melhor a região tem para oferecer a nível gastronómico”, declarou.
Os espetáculos representam o ponto alto da animação, englobando atuações que vão desde a música filarmónica, passando pela orquestral e popular, “vertentes indissociáveis da nossa região e, por conseguinte, desta festa”.
“Claro que a música de baile voltará a convidar os presentes à dança e à diversão próprias da ocasião. Teremos momentos de animação variados, tais como atividades equestres, onde podemos apreciar demonstrações/aulas livres a cavalo, passeio/desfile equestre e espetáculo noturno. Colóquios sobre o setor produtivo e de utilidade rural, largada de vitelos, espetáculo pirotécnico e demonstrações diversas de atividades físicas, incluindo este ano pela primeira vez uma caminhada e um passeio de bicicleta, no intuito de promover, junto dos visitantes/participantes, hábitos de vida saudáveis”, salientou a edil cadavalense.
A finalizar Fátima Paz aproveitou para convidar todos os leitores do Jornal das Caldas “a visitarem um certame ímpar na região, que tem como objetivo celebrar o final das colheitas e promover os produtos regionais”.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar