Login  Recuperar
Password
  16 de Fevereiro de 2020
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Desporto
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

6ª Jornada CN Top 12, escalão S18

Caldas Rugby Clube em 3º lugar após vencer Técnico

O Caldas/Ubuntu superiorizou-se nas primeiras escaramuças com uma poderosa formação ordenada. Esta postura inicial dos pelicanos foi recompensada logo aos três minutos. Um pontapé de penalidade, a longa distância, foi convertido por Afonso Pecegueiro.

15-01-2020 |

Equipa caldense
Equipa caldense

Contudo, o Técnico respondeu com um ensaio, eficazmente convertido no 11º minuto, colocando o resultado em 3-7.

Aos 24 minutos, uma corrida em progressão por Manu Carriço resultou num ensaio entre os postes, concretizado por Zé Contreras e bem convertido por Afonso Pecegueiro.

Mais uma excelente jogada de conjunto e o Caldas /Ubuntu a aumentar a sua liderança aos 30 minutos, com Manu Carriço de novo a finalizar entre os postes e a facilitar os dois pontos adicionais por Afonso Pecegueiro.

Aos 34 minutos, Rodrigo “Pulga” Henriques foge rapidamente, mas uma opção errada de passe estragou a chance de mais um ensaio. Não impediu que o capitão caldense, alguns momentos depois, rompesse a linha defensiva do Técnico e concluísse, clinicamente, na ponta direita um ensaio, desta feita não convertido.

1ª Parte: Caldas RC/Ubuntu 22pts (3E, 2T, 1 P) AEIS Técnico 7 pts (1E, 1T)

O Técnico iniciou a segunda parte colocando grande pressão, principalmente na área de contato. Após uma boa conquista no alinhamento, produz um bom maul e marca um ensaio, convertido, aos 37 minutos.

O Caldas respondeu com a construção de fases bem estruturadas de ataque e Rodrigo “Pulga” Henriques capta uma bola solta e invade o meio campo do Técnico para marcar mais um ensaio, que é convertido por Afonso Pecegueiro, aos 42 minutos.

Aos 47 minutos, o árbitro assinala com cartão amarelo outra infração e, consequentemente os correspondentes minutos no sin bin para o muito influente 2ª linha pelicano António Maltez.

Aproveitou o Técnico e, um minuto depois, chega ao ensaio, convertido, de novo após jogada de avançados. Resultado em 29-21.

Aos 56 minutos, o Técnico reduz a diferença no marcador. Um pontapé de penalidade bem transformado coloca a diferença em apenas cinco pontos.

As faltas sucessivas obrigam o árbitro a exibir mais um cartão amarelo, desta feita a Zé Contreras, aos 57 minutos. Dois minutos depois, o talonador caldense, Afonso “Animal” Oliveira é, também, enviado para o ain bin.

O capitão Rodrigo “Pulga” Henriques liderou o caminho com um contra-ataque de mais de 35 metros. Na sequência, António Maltez capta a oval, corre pela defesa adversária e marca um ensaio decisivo. Conversão difícil, sem êxito.

O Técnico, num último assomo, pontua um ensaio não convertido, o que lhe dá os primeiros pontos da temporada com um ponto de bónus defensivo. 

De novo com apenas 13 jogadores em campo, fruto de mais um amarelo, por uma infração no jogo no solo, os caldenses mostraram a sua determinação e espírito e aguentaram os últimos ataques.

Resultado final: Caldas RC/Ubuntu 34pts (5E, 3T, 1P) – AEIS Técnico 29pts (4E, 3E, 1P)

O Caldas/Ubuntu obteve uma vitória merecida. O Técnico apresentou-se mais forte fisicamente e foi um adversário digno, sempre à procura da vitória, mas a superior capacidade técnica e tática do Caldas/Ubuntu venceu o jogo.

Arbitragem competente de José Sequeira. Os quatro “amarelos” exibidos a jogadores pelicanos foram totalmente justificados. Os jovens atletas têm que ter um sentido de “disciplina de jogo”. 

O Caldas RC/Ubuntu alinhou com Afonso Oliveira, Afonso Pecegueiro (3T, 1P), António Maltez (1E), Francisco Oliveira, Francisco Ribeiro, Gonçalo Afonso (Ubuntu), Guilherme Colmonero, João Lami, João Salvador, José Contreras Lopes (1E), Lucas Vitorino, Manuel Carriço (1E), Martim Ribeiro (Ubuntu), Mauro Magalhães (Ubuntu), Ricardo Lopes, Rodrigo Henriques (Cap.) (2E), Rodrigo Lima Monteiro (Ubuntu) e Salvador Palhoto.

Treinador: Patricio Lamboglia; Diretor de Equipa: António Ferreira Marques; Fisioterapeuta: José Miguel/Physioclem

A próxima jornada será disputada no dia 18 de janeiro, pelas 10h00, frente ao CF Belenenses Rugby.

Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar