Login  Recuperar
Password
  Quarta, 17 de Dezembro de 2014
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Política
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Vereador socialista indignado com Câmara de Óbidos

O vereador eleito pelo PS na Câmara Municipal de Óbidos, José Machado, mostra-se indignado “pelos termos usados” pelo executivo PSD num comunicado sobre o posto de abastecimento de combustível junto à Escola Josefa de Óbidos, no qual é referido “em termos que podem levar as pessoas a admitir que alguma das queixas-crime apresentadas foram da minha autoria, o que é falso”.

26-06-2012 |

“Há cerca de dois meses, o Tribunal Administrativo Fiscal de Leiria arquivou uma queixa, sobre este assunto, que não foi feita por nenhum eleito do PS de Óbidos”, garante.
“Durante o processo de licenciamento e adjudicação do novo posto de combustíveis suscitei dúvidas, que mantenho, relativamente ao local escolhido pela maioria da Câmara, junto a uma escola, junto a zonas de lazer, junto a paragens de transportes públicos, junto a zonas residenciais e com prejuízo visual para o Castelo e Vila de Óbidos. Se fosse presidente da Câmara aquele posto de combustíveis não estaria naquele local”, afirma o socialista.
“Mantenho que a forma precipitada como foi tratado este assunto se deveu única e exclusivamente à pressa em encaixar receita de cerca e meio milhão de euros para gastar ainda neste mandato autárquico, apesar de a concessão se fazer por muitos anos. Mantenho as minhas dúvidas de violação do PDM em vigor, aliás reforçadas pela consulta ao processo elaborado pelos serviços técnicos da Câmara”, declara o vereador.
José Machado reafirma que, “apesar de nada ter a ver com as queixas apresentadas ao Ministério Público, como o executivo agora quer dar a entender de forma enganosa e deselegante, discordo do local de instalação das referidas bombas de combustíveis, um direito que me assiste como cidadão e eleito local”.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar