Login  Recuperar
Password
  Terça, 2 de Setembro de 2014
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Cultura, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Regresso da pianista Patrícia Costa aos palcos foi um sucesso

“Noites Zen ao Piano” esgotou o pequeno auditório do Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha, no dia 2 de agosto. Foi num ambiente relaxante, com apenas um foco incidindo sobre o piano, que a pianista caldense Patrícia Costa, num recital a solo, encantou o público. Durante mais de uma hora a intérprete tocou obras de Chopin, Mendelssohn, Erik Satie, Micheal Nyman e Dave Grusin.

08-08-2012 | Marlene Sousa

A pianista caldense num recital a solo encantou o público
[+] Fotos
A pianista caldense num recital a solo encantou o público
Este regresso aos palcos, depois de um longo afastamento, só pode ser visto como um grande sucesso. “É emocionante ver a sala cheia e foi um desejo muito grande voltar a fazer recitais a solo”, disse a pianista que, com bastante trabalho e dedicação, superou as dificuldades. Recorde-se que Patrícia Costa esteve ausente dos palcos por ter fraturado dois dedos da mão direita, resultado de um acidente de viação que sofreu há dezasseis anos. As fraturas foram bastante graves, em articulações muito sensíveis, tendo ficado com uma das articulações do anelar irreversivelmente imobilizado. Chegou mesmo a pensar que nunca mais iria tocar, mas, com bastante vontade, ultrapassou as limitações.
Para este recital ensaiou cerca de um mês e meio numa média de seis horas por dia. “Sou professora no Agrupamento de Escolas D. João II e só pude iniciar os ensaios depois das aulas terem terminado”, disse a pianista, satisfeita com os elogios que recebeu do público.
O nome "Noites Zen ao Piano" teve como inspiração o reportório que escolheu para o recital, onde pretendeu elevar as energias vibratórias do público, através da música.
Em relação a projetos para o futuro, vai continuar a tocar piano e quanto a mais recitais aguarda resposta de outros centros culturais do país.
Patrícia Costa iniciou os seus estudos de piano aos cinco anos, nas Caldas da Rainha. Tendo ganho um concurso Juvenil de Piano, foi convidada a frequentar aulas, na Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues, Conservatório Regional de Torres Vedras. Terminou o Curso Superior de Piano do Conservatório Nacional de Lisboa, no ano de 1989, na classe da professora Maria Cristina Pimentel, com a classificação de dezoito valores.
Foi bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian ao longo de todo o seu percurso académico, tendo participado em vários recitais na própria Fundação.
Em 1992 fez um estágio de piano, interpretação, em Viena, Áustria, com a professora Carmen Graff.
Participou nos Concertos em Palestra do Maestro António Vitorino D´Almeida, deu recitais em várias salas do país, como solista, assim como acompanhamentos de canto e conjuntos de câmara.
Dedicou-se ao ensino de piano e formação musical, tendo sido professora na Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues, Conservatório Regional de Torres Vedras, na Escola de Jazz de Torres Vedras, em Academias de Música e da Escola Superior de Educação de Leiria, Pólo de Caldas da Rainha.
Entre 1994 e 2004, foi professora de piano e formação musical do Conservatório Nacional de Lisboa, em regime doméstico.
Desde 1989 leciona Música em Escolas Básicas, tendo concluído a sua profissionalização em 1995, com a classificação de 18 valores.

Vídeo

COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar