Login  Recuperar
Password
  Sábado, 20 de Dezembro de 2014
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Cultura
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Ex-alunos da ESAD.CR criam produtora de cinema e audiovisuais

15-03-2012 |

Ex-alunos da ESAD.CR criam produtora de cinema e audiovisuais
Ex-alunos da ESAD.CR criam produtora de cinema e audiovisuais
Ex-alunos da ESAD.CR criam produtora de cinema e audiovisuais Abriu nas instalações dos silos uma produtora de cinema e audiovisuais. Sara Gonçalves e José Fangueiro são dois ex-alunos de animação cultura e som e imagem na ESAD.CR. Olho de Vidro é uma produtora que quer dar os primeiros passos no cinema e outras áreas dos áudio visuais. Os dois jovens pretendem com a abertura do estúdio alugar material, organizar palestras, workshops, explorar o mercado das caldas e da região Oeste, fazer gravações e serem um apoio aos alunos de som e imagem da ESAD.CR. José Fangueiro recordou que quando foi aluno daquela escola e disciplina “havia mais oferta do que procura. Estamos a criar esta produtora para termos alguma procura. O jovem quer ainda fazer um filme sobre o Oeste, uma vez que considera que não existe nada que identifique efetivamente a região. “Fazer um filme ou uma curta sobre o Oeste é uma hipótese que já pensámos bastante. O Oeste tem uma caraterística muito forte e não há um vídeo que o identifique”, disse. Além deste objetivo José Fangueiro está a trabalhar numa série de humor para a Internet, para depois a comercializar. Sara Gonçalves, a outra sócia, apontou que a Olho de Vidro pretende conceber e acompanhar todo o tipo de projectos em que a imagem em movimento seja essencial, quer enquanto objecto de técnica, quer enquanto sujeito de improvisação e arte. “Fica o compromisso de uma atitude colaborativa no desenvolvimento de projetos potenciadores dos recursos desta região que é agora também a nossa”, declarou. Durante a pequena inauguração os convidados assistiram à curta-metragem “Última gota no oceano” e ouviram os sons do Caldas Handsaw Massacre. Carlos Barroso
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar