Login  Recuperar
Password
  Quarta, 17 de Setembro de 2014
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa

Lista de Notícias - Opinião / Editorial

Video Audio Ora Toma

“É triste para uma cidade que quer ficar bonita cheia de obras e cativar visitantes nunca mais terem acabado a passadeira numa rua que foi feita de novo junto à praça 5 de Outubro, nas Caldas da Rainha”, relata o nosso leitor Rui Vieira.
ler mais | 10-09-2014 |

Video Audio Como gerir melhor as contas correntes dos seus clientes

Aquela era mais uma manhã para Miguel. A caminho da sua empresa, por volta das 8h30, já o gerente do banco lhe ligava avisando que a conta estava de novo a descoberto. Sempre o mesmo problema: contas correntes de clientes. Os atrasos nos recebimentos eram uma tendência dos últimos tempos. Miguel medita todos os dias sobre este problema e já não sabe o que fazer... Esta curta história fictícia podia ser a de qualquer PME portuguesa. O atraso nos pagamentos é um dos principais problemas da nossa economia. Os dados da última edição do estudo da Intrum Justitia revelam que Portugal é dos países da UE em que se demora mais a pagar. Segundo aquele estudo, o Estado português paga as suas dívidas, em média, ao final de 133 dias, sendo que as empresas demoram 85 dias. Vejamos então algumas regras a seguir na gestão das cobranças da sua empresa, e que o podem ajudar a minimizar este problema.
ler mais | 10-09-2014 |

Video Audio Direitos dos doentes oncológicos no Crédito à Habitação

O doente oncológico, quando preenchidos os requisitos, tem direito a condições especiais na prestação do crédito à habitação. Cada vez mais cidadãos são confrontados com esta realidade, e diligenciam no sentido de acionar o seguro associado ao crédito mas sem sucesso, pois a incapacidade atribuída é, por vezes, inferior à exigida. Nestas situações, a Lei garante que os cidadãos portadores de deficiência, com um grau de incapacidade igual ou superior a 60%, podem celebrar contrato de crédito para aquisição ou construção de habitação própria nas mesmas condições que os trabalhadores das Instituições de Crédito.
ler mais | 10-09-2014 |

Video Audio Cuidado com os cuidadores

Conhece algum cuidador? Sim? Então tenha cuidado! Evite aproximar-se dele e qualquer tipo de contacto que possa ter. Se não lhe for possível um total afastamento remeta-se apenas à pessoa que está a ser cuidada, nunca faça perguntas sobre o bem-estar do cuidador e de preferência dê sugestões de como melhorar o seu desempenho e várias críticas relativamente aquilo que faz, que não é mais do que a sua obrigação. Agora, caro leitor, peço as minhas desculpas pelo susto que imagino ter pregado. Mas foi essa mesma a intenção. O cuidador não formal pode ser um familiar: um filho, um pai, um irmão, um sobrinho, etc. como também pode ser um amigo ou um vizinho. O cuidador é aquele que assume a responsabilidade de apoiar um seu familiar ou amigo durante um período de doença ou deficiência que pode ser passageira ou crónica. O tipo de cuidados varia de doente para doente mediante a idade da pessoa, as limitações cognitivas e/ou motoras e a própria patologia.
ler mais | 02-09-2014 |

Video Audio Não temam as críticas, escutem-nas

O poder autárquico nas Caldas da Rainha, o mesmo há trinta excessivos anos, tem propagandeado aquilo que eu designaria pelos mitos do “fazer” e a falácia dos que “só dizem mal e nada fazem”. Para as pessoas ligadas, direta ou indiretamente, ao poder incumbente, a crítica ao desempenho daqueles que foram eleitos e têm a responsabilidade de governar o concelho, é geralmente mal vista, mesmo quando à boca pequena reconhecem a sua justeza. Para elas, o poder é para adular ou condescender, na expectativa de obterem algum favor ou de não verem negado algum direito.
ler mais | 02-09-2014 |

Video Audio Engenharia social

Zenão perguntou ontem a Camila: -“Quem és tu?” -“Sou a tua mulher”- respondeu ela. -“Só?” -“E a mãe dos nossos filhos, e filha dos meus pais.” -“Só?” -“E irmã dos meus irmãos, e sobrinha dos meus tios, e neta dos meus avós, e amiga de muitas pessoas, e professora.” -“Só?” -“E filha de Deus! E agora vamos jantar que já estou farta desta conversa!” Zenão concluiu que o Homem é um ser de relações. São as suas relações que o identificam como ser humano, pois elas manifestam a qualidade dos atos que pratica. É precisamente no campo das relações humanas que se nota uma grande atividade ideológica no sentido de modificar o relacionamento humano. É aqui que entra a “Engenharia Social”, esta ciência que busca estudar que fatores podem levar a humanidade a seguir os padrões de comportamento que desejam, seja por razões comerciais (servir comida salgada para levar ao consumo de bebidas), ideológicas, religiosas (simular milagres), ou políticas. Um estudo levado a cabo no Brasil demonstrou que onde o sinal da TV Globo chegava com as suas telenovelas, tinha subido o número de divórcios e diminuído a natalidade; no interior, onde o sinal era fraco ou inexistente, estes níveis tinham permanecido inalterados. O próprio conteúdo das telenovelas influenciava a população, maioritariamente feminina, já que as mulheres permaneciam mais tempo em casa com a televisão ligada. Logo, a televisão foi considerada uma das ferramentas mais úteis para a engenharia social.
ler mais | 02-09-2014 |

Video Audio “Utentes com credencial para fisioterapia obrigados a serem tratados no Hospital Termal”

Na sequência da notícia intitulada “Utentes com credencial para fisioterapia obrigados a serem tratados no Hospital Termal”, publicada na página número dois da edição do dia 6 de agosto de 2014 do Jornal das Caldas, vem o Centro Hospitalar do Oeste, de forma a esclarecer os seus utentes, informar o seguinte.
ler mais | 26-08-2014 |

Video Audio Pela sua Saúde… Ter uma Caixa de Primeiros Socorros

A qualquer momento na nossa vida podem surgir doenças súbitas ou pequenos acidentes domésticos! Ter em nossas casas uma caixa de primeiros socorros (CPS), pode ser muito útil, tendo à mão os acessórios adequados faz toda a diferença, contribuindo para manter a situação sob controlo, evitando maiores danos para a saúde, ou mesmo salvando a vida.
ler mais | 26-08-2014 |

Video Audio Sugestões de leitura para empresários e gestores

Este é o primeiro artigo que escrevo para esta prestigiada publicação da nossa região. O primeiro de muitos, pelo menos assim espero.
ler mais | 26-08-2014 |

Video Audio É necessária uma estratégia para Caldas

Caldas da Rainha perdeu a graça de outros tempos, em que o turismo enchia o seu verão. Hoje, em termos turísticos Caldas é uma sombra do que era, porque o poder camarário "costista", deixou de investir no turismo.
ler mais | 19-08-2014 |

Video Audio A luta pela requalificação da Linha do Oeste é a luta por Caldas e pela nossa região

Não tenhamos dúvidas a luta pela modernização da Linha do Oeste é, talvez, a luta mais importante por Caldas e pela sua região, por quanto só a nossa ferrovia tem capacidades para nos ligar, eficazmente, a Portugal e à vizinha Espanha, fortalecendo o defunto turismo, que estes poderes, de vistas curtas, se tornou moribundo! É, pois, com satisfação que vejo, finalmente, várias entidades a pronunciarem-se pela requalificação da nossa velhinha linha do Oeste, que é há muito tempo a linha do nosso descontentamento.
ler mais | 12-08-2014 |

Rubrica: Saúde e Bem Estar

Video Audio O que são os Radicais Livres?

Os Radicais Livres são moléculas produzidas no processo respiratório quando inspiramos e expiramos. Do oxigénio inspirado, 2 a 5%, converte-se em moléculas de existência independente no nosso organismo às quais chamamos radicais livres. Nem todos os radicais livres são prejudiciais pois em quantidades moderadas têm como função combater as batérias e os vírus existentes no corpo humano. No entanto, a produção em excesso de radicais livres tornam-se prejudiciais à nossa saúde pois danificam as células saudáveis e, com isso, aumentam o risco para o desenvolvimento de doenças crónicas como arterosclerose, hipertensão, diabetes, doença cardiovascular, cataratas, doença de Alzheimer, cancro, desordens neurológicas (ex: doença de Parkinson), artrite reumatoide e provoca o envelhecimento precoce.
ler mais | 12-08-2014 |
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar