Login  Recuperar
Password
  Quarta, 1 de Outubro de 2014
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Editorial
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

EDITORIAL

HOJE JOGA-SE O MATA / MATA

Após a derrota, no passado sábado, frente à poderosa Alemanha, pelo resultado tangencial de 1-0, Portugal joga hoje com a Dinamarca o chamado jogo do Mata/Mata, o que significa que o encontro desta noite é fundamental para manter as aspirações dos portugueses na passagem à fase seguinte.

13-06-2012 | Jaime Costa

Apesar de na 1ª parte os alemães terem sido mais fortes, o resultado final acabou por ser altamente injusto para os “Tugas” que na 2ª metade dispuseram de várias oportunidades de golo e só por manifesta infelicidade não sairam vitoriosos.

Antes do jogo, como já é habitual, surgiram as más linguas criticando aquilo a que chamaram “O Circo”, referindo-se ao programa social desenvolvido em Óbidos e que incluiu visitas ao Presidente da Republica, à fundação Champalimaud e ao Solar dos Presuntos.

O desenrolar do 1º jogo retirou-lhes qualquer razão. A equipa uniu-se, esteve concentrada e impediu aquilo que muitos secretamente desejavam - uma pesada derrota frente aos atléticos germanicos.

A participação portuguesa é uma festa nacional e por isso é bom que esse clima se desenvolva em torno dos jogadores, da população e das instituições.

O futebol é um espetáculo de massas e não deve funcionar em circuito fechado, ao qual apenas os profissionais do ramo têm acesso.

Os adeptos gostam de estar próximo dos seus idolos, de os ver treinar, de lhes pedir autógrafos, de assistir aos seus desfiles de charrete.

Independentemente do resultado desta noite, muitos foram os que acrescentaram às suas vidas a emoção de estar perto e conviver com os craques que tanto apreciam.

Essa alegria já ninguém lhes pode tirar.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar